terça-feira, 28 de maio de 2013

Que beleza de alma!



Decorria a Visita Pastoral à Paróquia de São Pedro de Tarouca. Dia 24 de Maio. O senhor Bispo visitava então Arguedeira.
D. António estava na pequena sacristia a paramentar-se. Duas crianças pedem para entrar e falar com ele. Ninguém os acompanhou. Só os dois.

- Senhor Bispo, vimos pedir desculpa, porque amanhã não podemos estar na catequese quando o senhor for visitar o nosso grupo. Temos uma viagem marcada e não podemos estar.
- Está bem - respondeu o Prelado enquanto fazia uma festinha às crianças - mas estou hoje aqui convosco.
- Mas nós gostaríamos tanto de estar com o senhor Bispo amanhã!...

Empolgou-me este gesto dos dois pequenitos. As crianças têm o dom de nos tocar fortemente. E embora tudo corresse muito bem, foram estes instantes que marcaram o meu dia. Aliás disse-o à comunidade no fim da Eucaristia.

Que delicadeza! Que educação! Que elevação! Que à-vontade diante do Bispo! Que espontaneidade! Que sinceridade! Que gesto elegante!

Já lá vão uns dias. Mas a atitude dos dois pequenos continua a encher-me a alma de frescura, de esperança, de dignidade.
Muito obrigado, paroquianos e amigos pequeninos!

Sem comentários:

Enviar um comentário