quarta-feira, 2 de abril de 2014

A acção misteriosa de Deus

Há dias um antigo cristão luterano que se converteu ao catolicismo deu uma entrevista ao site ‘Why I am catholic?’ (Porque sou católico?), onde contou a sua conversão.
Ron Doub disse a ‘Why I am catholic?’ que seus pais eram membros activos da igreja luterana, tanto que quando o seu pai morreu, sua mãe se ordenou como pastora luterana em 1985. Ele seguia seus passos, e seu compromisso o levou a liderar durante dois anos a organização juvenil ‘Liga de Lutero’.
Posteriormente, depois de concluir a universidade conheceu Theresa, católica mas não praticante, e casaram-se na igreja luterana. Durante anos iam juntos aos templos dessa confissão.
"Mas minha mulher começou a retornar às suas raízes católicas. Pouco antes que nascesse nosso filho aceitei relutantemente que nosso matrimónio fosse abençoado pela Igreja católica para que ela pudesse voltar aos sacramentos. No entanto, quando nasceu William, o baptizámos como luterano".
Ao completar sete anos, no entanto, o levaram à escola católica local: "Queríamos a melhor educação para ele". Anos depois William disse a seus pais que queria fazer a Primeira Comunhão e ingressar na Igreja católica. Ron voltava a fracassar em sua tentativa de fazer de sua família uma família luterana.
Algumas vezes ao ano ia à missa com sua esposa e filho, e sentia-se transbordar de alegria, às vezes com os cânticos, outras com uma oração, outras na consagração, outras durante a homilia.
"No princípio não dei importância a estas experiências, mas logo tive que admitir que, primeiro, nunca tinha experimentado algo assim em um serviço luterano, e segundo, que o Espírito Santo estava tentando dizer-me algo" – contou.
Ron então começou a se formar, recorrendo entre outras fontes à uma livraria católica próxima ao seu trabalho: "Dediquei durante muitos dias minha hora de almoço para estudar a fé.
Nunca esquecerei de um dia, lendo com lágrimas nos olhos o livro de Tim Drake sobre luteranos convertidos ‘There we stood, here we stand’ [Estávamos ali, estamos aqui, em tradução livre]. Eu o comprei e o acabei de ler nessa noite. Cada uma das histórias me aproximava um pouco mais da fé católica".
Entretanto Ron foi admitido na Igreja católica e hoje dedica muito do seu tempo à evangelização.

Fonte: aqui

Sem comentários:

Enviar um comentário