segunda-feira, 19 de junho de 2017

A tragédia que chama por Portugal

Foto: Lusa
O incêndio que deflagrou no sábado em Pedrógão Grande provocou pelo menos 62 mortos civis. Causou até ao momento 136 feridos, entre os quais 121 civis, 13 bombeiros e dois militares da GNR, revelou à Lusa o presidente do INEM.
***
A Caixa Geral de Depósitos abriu uma conta solidária. Donativos podem ser feitos usando o IBAN PT50 0035 0001 00100000 330 42
***
A generosidade do povo português é simplesmente notável. A tal ponto que a Ministra da Administração Interna  apela a que as pessoas deixem de doar alimentos (aqui) por motivos logísticos.
***
A CARITAS Portuguesa na linha da frente no apoio às populações atingidas e aos bombeiros  (aqui)
***
 “Manifesto a minha proximidade ao querido povo português pelo devastador incêndio que está a atingir as florestas à volta de Pedrógão Grande, causando numerosas vítimas e feridos", disse o Papa, perante milhares de pessoas reunidas na Praça de São Pedro para a recitação do ângelus.
***
Guterres -  Secretário Geral da ONU - , vários países, o Santuário de Fátima, diversas instituições e imensas pessoas querem ajudar as vítimas. Médicos, enfermeiros, agentes da saúde oferecem a sua ajuda.
A ação dos Bombeiros é pura e simplesmente notável. Parabéns, Bombeiros do meu país! Sois o nosso orgulho.
***
Esta é a hora de ajudar. Ponto. 
Logo a seguir, o país terá que se repensar a sério para que tragédias destas não se repitam.
Os inúmeros e graves incêndios que têm assolado Portugal já deveriam ter obrigado o país a repensar-se.
Ao menos que esta enorme tragédia nos faça aterrar de vez!

Sem comentários:

Enviar um comentário