quinta-feira, 12 de maio de 2016

12 de maio de 2016 - Procissão de Velas


Capela de Nossa Senhora das Necessidades. Vinte horas e quarenta e cinco minutos. Inicia-se a Eucaristia. Estava lá uma parte do coral.  Houve  participação. O andor da Senhora de Fátima estava muito bem ornado. O tema da homilia foi  "Misericordiosos como a Mãe de Misericórdia".
Inicia-se a procissão. Um mar de velas segue atrás da imagem. Cada pessoa traz também na mão um flor que lhe foi entregue pelos organizadores da festa. Reza-se o terço e o terço da Divina Misericórdia, canta-se, consagra-se a Nossa Senhora cada povo da paróquia e a paróquia inteira. 
Na Igreja Paroquial, completamente cheia, inicia-se a Bênção das criancinhas (até aos 3 anos). Casais jovens com os filhitos pela mão e ao colo. Uma mãe lê um textozinho do Evangelho e uma mãe e um pai, em nome dos pais presentes, fazem a oração dos fiéis. O sacerdote precede à benção das crianças.
Segue-se um momento sempre especial. Cada pessoa vai colocar a rosa junto do andor e ali, ao pé da imagem da Mãe, deixa-Lhe um segredo. Quantos desabafos, quantos pedidos, quantos agradecimentos, quantas confidências Maria Santíssima acolheu hoje no seu coração de Mãe!!!Entretanto, uma música de fundo vai ajudando a criar o ambiente propício.
Parabéns aos povos de Ponte das Tábuas, Quintela e Vila Pouca que, este ano, organizaram esta  festinha à Senhora de Fátima. Fizeram-no com esmero, dedicação e generosidade. Parabéns a quem ofereceu a ornamentação do andor e as flores para as pessoas.
As muitas pessoas que marcaram presença certamente deram por bem utilizada esta parte da noite.
Maria é sempre fonte de misericórdia, paz, aconchego, esperança.

Em 2017, cabe ao povo do Castanheiro do Ouro organizar a Procissão de Velas.


Sem comentários:

Enviar um comentário