domingo, 27 de fevereiro de 2011

Desilusão dos mensageiros

--
TODO O BAPTIZADO É UM ENVIADO.
O tempo da grande cristandade foi-se. Hoje é preciso uma acção porta a porta. Um convite constante. Um proposição - não imposição - que não conhece desfalecimentos.

Ainda há quem pense que fazer apostolado é lá para os padres e as freiras. Que se numa comunidade as coisas estão mal, a culpa é dos padres.
Isto é que se chama meter o baptismo na gaveta! Quem nos torna apóstolos é o baptismo. Se todos somos igualmente baptizados, todos somos igualmente enviados.

É por isso que reflicto muitas vezes com a comunidade sobre a missão dos leigos, cuja presença actuante na vida da Igreja e no mundo é mais do que imprescindível. Pois que quem não é apóstolo é apóstata (traidor).

É neste contexto que duas pessoas me apareceram bastante desiludidas neste fim-de-semana. Cada uma delas procurou convidar pessoas a participar em acções pastorais diferentes que decorrem nesta comunidade.
Uma disse-me:
- Convidei cinco pessoas e todas me disseram que não!
A outra afirmou:
- Convidei 4 pessoas e só duas me disseram que sim, que iam aparecer!

Felicitei as duas. Cumpriram e só deveriam sentir-se felizes e em paz consigo mesmas. Aos crentes compete semear a Mensagem; colher, só Deus! Semear com alegria, esperança, convicção. Sempre!

Não é fácil hoje. Numa sociedade atolada em materialismo, em superficialidade de vida, em pressas e stress, onde o ter, o poder e o prazer parecem ser a trindade que governa o mundo, parece que Deus está a mais.
O homem moderno paralisou na procura do sentido para a vida. De onde vimos? O que fazemos aqui? Para onde vamos?
Como ramo caída na corrente do rio, o homem moderno é arrastado pela corrente impetuosa das novas tecnologias, do borboletar de prazer em prazer para afogar a recessão de alma provocada pelo prazer anterior, pelo imediatismo, pela alergia à reflexão e à interioridade...

Mas é este homem moderno que Deus quer que ajudemos a salvar, porque Ele o ama.
Então vamos a isso! Deus fará a parte mais difícil.
Uma boa semana para todos.

Sem comentários:

Enviar um comentário